Novembro

1 a 30: Rota das Pastelarias “Tardes Gulosas” 
O mês de novembro vai fazer as delícias dos amantes da doçaria. Durante este período, as pastelarias aderentes desdobram-se em esforços para promover e divulgar as respetivas especialidades e todos os dias há doces em promoção. Os mais atentos vão conseguir fazer excelentes negócios enquanto se deliciam com os pitéus preparados pelas pastelarias vilaverdenses.

4 e 5: Festa do Sarrabulho
O sarrabulho, temperado como só as gentes do campo sabem, é uma das grandes iguarias da região, com um sabor que tem granjeado reconhecimento nacional e internacional. A freguesia de Coucieiro decidiu organizar um festival dedicado a um prato que dispensa apresentações e que tem adeptos de Norte a Sul de Portugal.

11: Festival da Sardinha na Broa
A freguesia de Valbom S. Martinho também se prepara para conquistar os visitantes pelo estômago, com um dos mais característicos petiscos da região minhota, a famosa sardinha assada na brasa acompanhada com as deliciosas broas caseiras.

11 e 12: Matança da Ceba, Rejoada e Sopa de Cavalo Cansado
A freguesia da Lage recria a matança da ceba nos moldes de antigamente, mas cumpre escrupulosamente as normas atuais, garantindo que o animal morre sem sofrimento e que são cumpridas as condições higieno-sanitárias. O resto é tudo à moda antiga e nem faltam as sopas de cavalo cansado para revitalizar o corpo e o espírito. No dia seguinte, família e amigos juntam-se para a rejoada.

18: Jantar Luso Galaico ‘Comer e Beber com Eça de Queirós’
O Minho e a Galiza apresentam-se como duas regiões irmãs, num jantar que junta no Restaurante Luena o melhor das duas culturas. Este ano são os textos de um dos maiores da literatura portuguesa, Eça de Queirós, a dar o mote para um serão em que gastronomia e cultura se entrelaçam de forma harmoniosa.

20, 21 e 22: Tradição dos Nossos Avós: Ciclo do Pão de Milho
Da sementeira à desfolhada, passando também pela farinha, pelo fermento e pelo forno de lenha, a freguesia de Cervães estreia-se Na Rota das Colheitas com uma iniciativa que vai levar os participantes a conhecer de perto o processo de fabrico do pão de milho.

24, 25 e 26: Fim de Semana Gastronómico ‘Vila Verde Capital do Pica no Chão’
O Pica no Chão afigura-se como o ex-líbris gastronómico da região e Vila Verde como a capital desta iguaria. Durante três dias, os restaurantes aderentes reforçam a fama da gastronomia vilaverdense e do território como local de excelência para degustar este manjar dos deuses. 

25: Trilho do Vade
Para desgastar as calorias acumuladas durante o fim-de-semana gastronómico, os visitantes podem fazer um trilho pela bela zona do Vade, onde a paisagem de montanha predomina no horizonte. Esta é mais uma oportunidade de conhecer melhor algumas das maravilhas naturais do concelho.

26: Caminhada Ambiental – “Zona Ribeirinha Entre o Homem e o Cávado”
A Caminha Ambiental Zona Ribeirinha entre o Homem e o Cávado apresenta-se como uma oportunidade soberana para de contactar de perto com locais onde a natureza no seu estado mais puro cria paisagens de grande beleza.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Na Rota das Colheitas 2016. Obrigada pelo seu comentário.

Na Rota das Colheitas 2016